Venlafaxina não é o suficiente

Hoje acordei com a sensação de que não ando sendo sincero comigo mesmo e, por sua vez, as pessoas também não recebem o meu melhor… Tenho um medo sincero de me perder quando as coisas estão assim, então me ponho num estado de reflexão buscando formas de compreender onde estou falhando em ser transparente com meus valores.

Para quem passou a viver de ansiedade, parece ter esquecido o que é viver de amor. Paixão, então, é algo que parece distante, como se não fosse mais possível. Ou que, no mínimo, estou fazendo alguma coisa errada… sustentando situações desconfortáveis ou desfavoráveis. Continuar lendo